O Grande MDB da Paraíba vai ficando Pequeno.

0
6

Primeiro foi o Deputado Federal André Amaral que deixou o MDB em busca de novos horizontes e almejando sua reeleição . Agora com as saídas do deputado federal Hugo Mota e os estaduais Nabor Wanderlei e Jullys Roberto dão mostras claras que o maior partido do Estado , corre um sério risco de sair muito menor do que vai entrar no pleito eleitoral de outubro próximo.

As perdas podem não parar por ai , com a candidatura a Governador do Senador José Maranhão , o partido até o momento não tem garantias de uma boa coligação na proporcional , e isso fez com quem saíram, tomassem essa decisão , e deve ser também o caminho do Deputado Federal Veneziano Vital.

Veneziano inclusive foi um dos primeiros a reclamar e mostrar a insatisfação. Nem mesmo o alto fundo partidário  foi capaz de seduzir os parlamentares do partido, que preferiram não arriscar. Muitos acreditam que a candidatura de Maranhão é capricho , uma imposição de cima para baixo , que tem consequências sérias ao MDB .

Se o quadro se mantiver , apenas Raniery Paulino e Ricardo Marcelo seguraram no lombo todo o peso .

Além dos deputados , especula-se que dezenas de prefeitos e vereadores também deixarão o partido. Há também a possibilidade do vice prefeito de João Pessoa , também deixar a agremiação , por motivos óbvios.

Maranhão tem um problema maior para se preocupar do que tentar manter sua pré candidatura , a sobrevivência do velho MDB de guerra.

DEIXE UMA RESPOSTA