Sem pagar INSS , Prefeitura de Sousa tem recursos do FPM bloqueados.

0
95

Os efeitos negativos pelo não pagamento ao INSS da obrigação patronal por parte da Prefeitura de Sousa começa a vim a tona com mais visibilidade .

De acordo com relatório do Tribunal de Contas da Paraíba : ”Estima-se que a Prefeitura deixou de recolher em obrigações patronais o montante de R$ 11.807.472,54, no ano de 2017. O Município não optou pela suspensão do pagamento das parcelas vincendas durante a situação de emergência ou estado de calamidade pública, conforme leis nº 12.716/2012, 11.196/2005, MP 589/2012 e decreto 7.844/2012.” afirma TCE.

No último dia 10 de Maio , o município teve mais de R$ 900 mil bloqueados e descontados do repasse do FPM , cerca de R$ 236 mil é referente a parcelamentos anteriores , porém um desconto de mais de R$ 650 mil não era esperado pela Administração Municipal , e deve ter sido ocasionado justamente pelo não pagamento das obrigações patronais.

De acordo com um contador público consultado pelo portal , os descontos serão frequentes nos próximos meses , e sempre ocorrerá no dia 10 , dia de maior volume de repasse financeiro do FPM .

DEIXE UMA RESPOSTA