Marcondes Gadelha coloca mandato a disposição de Sousa e Região.

Representantes de associações, sindicatos, UFCG, IFPB, entidades do comércio e indústria, secretários e gestores de Prefeituras do Sertão paraibano estiveram presentes na última sexta-feira (31) participando de uma reunião promovida na cidade de Sousa para discutir o destino de cerca de R$ 15 milhões em emendas impositivas a que tem direito o gabinete do deputado federal Marcondes Gadelha (PSC).

A ideia é uma iniciativa inédita na cidade de Sousa e segundo os organizadores, o objetivo foi alcançado. O vereador Cacá Gadelha (PSDB) informou que a partir de agora todas as solicitações serão encaminhadas à Brasília para que em 2019 sejam incluídas no Orçamento do Governo Federal.

Dentre os pleitos, estão a construção da Praça da Bíblia, a aquisição de veículos, tratores e perfuratriz para órgãos da Prefeitura de Sousa, sistema de câmeras de alto alcance para monitoramento das entradas, saídas e Centro da “Cidade Sorriso” e Unidade Básica de Saúde para Vieirópolis. Também foram feitos pedidos por representantes de São Domingos e Poço Dantas, no Sertão.

Ao avaliar o evento, o deputado Marcondes Gadelha defendeu a transparência dada a maneira como os recursos serão aplicados. “Nós estamos fazendo tudo a olhos vistos, abertos. Aqui não tem negócio de 10%, aqui cada entidade sabe quanto vai receber, de que forma vai receber esses recursos”.

Assista ao vídeo:

Defensor abertamente de um filho de Sousa na Câmara dos Deputados, Gadelha ainda lembrou que os recursos serão repassados através da Prefeitura de Sousa, atualmente governada por um adversário político, no caso o prefeito Fábio Tyrone (PSB).

“Espero da responsabilidade do prefeito que não haja qualquer manipulação, que não haja qualquer desvio, que não haja qualquer alteração de rota desse recurso e que ele chegue efetivamente aquela entidade para qual foi proposto o recurso”. Finalizou.

Blog do Levi.